Dom Jaime Vieira Rocha se despede da função de arcebispo de Natal com missa celebrada na catedral

Foto: Blog do BG
Foto: Blog do BG
COMPARTILHE
1694281926 | 2 min de leitura


Ele encaminhou o pedido de renúncia ao Papa Francisco em março de 2022, ao completar 75 anos, e teve o sucessor nomeado em julho deste ano: Dom João Santos Cardoso. Ao todo, Dom Jaime Vieira Rocha liderou a Igreja Católica em Natal por 11 anos. Na despedida, neste sábado, que emocionou fiéis na Catedral de Natal, ele disse deixar a função com a “missão cumprida” e com um “sentimento de gratidão”. “É um sentimento de gratidão. Este é um momento da minha vida: são 27 anos de episcopado, passando pela graça e o enriquecimento de três igrejas, Caicó, Campina Grande e agora Natal”, disse o arcebispo. “Só tenho a agradecer. Me sinto muito tranquilo, sereno, em paz e com o sentimento de missão cumprida”. Natural de Tangará, no interior do Rio Grande do Norte, Dom Jaime Vieira Rocha atualmente já é considerado arcebispo emérito, podendo celebrar missas, mas não toma mais as decisões da Igreja Católica em Natal. O novo arcebispo de Natal, o baiano Dom João Santos Cardoso, tomará posse no dia 7 de outubro. Essa será a primeira vez em 68 anos que o Arcebispo de Natal não será um potiguar. Para Dom Jaime Vieira Rocha, ao longo de mais de uma década foi possível ver os processos e enfrentar os desafios junto com a Igreja Católica. Como arcebispo emérito, ele quer agora viver mais “livre” das responsabilidades da igreja. “Devo viajar um pouco, sair, experimentar e me adaptar um pouco ao tempo de mais tranquilidade”, disse. Com a despedida de Dom Jaime Vieira Rocha, a Igreja de Natal passa a ser a única do Brasil com três bispos eméritos. Além dele, tem Dom Heitor de Araújo Sales e Dom Matias Patrício de Macedo. g1-RN

Leia também