Presidente e vice de organizada do Sport são presos por ataque ao ônibus do Fortaleza

Créditos: Polícia Civil
Créditos: Polícia Civil
COMPARTILHE
04/04/2024 07:44 | 3 min de leitura


A Secretaria de Defesa Social de Pernambuco (SDS-PE) informou que o presidente e o vice-presidente da Torcida Jovem do Leão, uma organizada do Sport, foram presos por envolvimento no ataque ao ônibus do Fortaleza, que aconteceu no fim de fevereiro deste ano na saída da Arena Pernambuco.

Quem confirmou as prisões dos principais representantes da torcida Jovem foi Alessandro Carvalho, secretário do SDS, após uma coletiva de imprensa realizada na quarta (3) na sede da entidade.

"Acabaram de ser presos o presidente e o vice-presidente da Torcida Jovem do Sport por envolvimento no ataque ao ônibus da delegação do Fortaleza, que foi amplamente divulgado. Nós tivemos uma primeira fase da operação com cumprimento de quatro mandados de prisão, três em um primeiro momento e um quarto no segundo. As provas coletadas foram analisadas e houve nova representação pela prisão dos dirigentes do primeiro e do segundo na hierarquia por envolvimento no ataque, e isso foi deferido pela Justiça de Pernambuco. Os mandados foram cumpridos hoje na sede da Torcida Jovem", declarou o profissional em uma espécie de zona mista.

Alessandro Carvalho também afirmou que, neste momento, não poderia dar muitos detalhes sobre o quão extenso foi o envolvimento do presidente e do vice-presidente da torcida organizada do Sport. No entanto, destacou que uma nova coletiva de imprensa será concedida para esclarecer novas informações.

O caso
No dia 22 de fevereiro deste ano, torcedores do Sport atacaram o ônibus da delegação do Fortaleza com pedras e bombas na saída da Arena Pernambuco após o empate em 1 a 1 entre as duas equipes, pela quarta rodada da Copa do Nordeste.

Seis jogadores do elenco do Leão do Pici sofreram machucados. O goleiro João Ricardo teve um corte no supercílio e o lateral esquerdo Gonzalo Escobar sofreu um trauma na cabeça, além de um corte na boca e um no supercílio. Outros atletas, como o lateral direito Dudu, os zagueiros Titi e Brítez, e o volante Lucas Sasha foram feridos com estilhaços de vidro. 

Com informações de UOL

Fonte: Portal Grande Ponto

Leia também